Cloud Computing e seus benefícios financeiros

Cloud Computing e seus benefícios financeiros

Estar com a cabeça nas nuvens pode até ser uma coisa boa.

O Cloud Computing, ou a computação nas nuvens, permite a realização de atividades de computação através da nuvem, que a própria rede. É possível realizar diversas atividades no ambiente virtual, sem precisar baixar arquivos ou dados.

A prática, cada vez mais comum, traz diversos benefícios financeiros.

1 – O menor custo logístico

Como todo o processo é feito através da rede, não é necessário fazer um investimento muito pesado. Não é preciso ter um hardware poderoso e ter uma infraestrutura para mantê-lo. O Cloud computing dispensa o uso de data centers, servidores, além dos custos de resfriamento e da energia, necessários para manter esses equipamentos em uso.

2 – A redução de custos de software

A diminuição dos gastos também é visível nos softwares usados. Não é mais necessário comprar licenças para cada um dos computadores da empresa. Como cada máquina está conectada ao servidor central, todas as licenças já estão aplicadas.

3 – O menor investimento em pessoal

Como nenhuma parte do serviço está localizada na empresa, ou é de sua responsabilidade, o setor de TI não precisa se preocupar em manter os servidores funcionando, podendo se focar apenas em manter os computadores efetivos. Não há também a necessidade de treinamentos específicos voltados para a manutenção da rede.

4 – A flexibilidade do Investimento

O uso desse tipo de serviço poupa o dinheiro que anteriormente seria usado para manter o funcionamento dos servidores, das máquinas e dos funcionários. Ele agora pode ser usado para outro benefício para a empresa, possibilitando que ela cresça.

5 – A segurança

A falta de segurança é sempre uma fonte de prejuízos, seja qual for a situação. Nesse caso, em um sistema mais tradicional, o mau funcionamento dos servidores significa um gasto com manutenção, além de uma possível troca de equipamentos.

Isso sem contar o tempo em que o ambiente pode ficar offline, que pode gerar downtime de funcionários, além de possíveis perdas de negócios com clientes.

Já no caso do Cloud Computing, os servidores são mantidos pelo fornecedor, que os mantém ativos com sistemas de redundância, energia e refrigeração adequados, possibilitando uma falha mínima, e caso aconteça, a resposta é praticamente imediata, diminuindo ainda mais os prejuízos.

O aspecto da segurança se aplica também ao vazamento de informações. Como todos os dados estão em um único ambiente fechado, eles estão protegidos de qualquer invasão, ou vazamento por acidente.

6 – As baixas parcelas

Por conta da praticidade desse tipo de serviço e do baixo custo, mesmo para as empresas que fornecem esse tipo de solução, as mensalidades são menores, especialmente em comparação com outros métodos. Em um servidor brasileiro, como a Convex, isso é ainda mais claro. A negociação é completamente feita em reais, evitando flutuações financeiras. O serviço é ainda melhor por ter uma latência menor devido à localização.

A computação na nuvem é uma ferramenta que oferece um excelente serviço, a um preço bem em conta. Vale o investimento.