Como funciona um servidor de e-mail dedicado?

Como funciona um servidor de e-mail dedicado?

Você já ouviu falar em “servidor de e-mail dedicado”? Sabe para que serve?

Um servidor dedicado é quando se tem um único computador em uma rede reservada para atender a uma necessidade específica, dando ao seu usuário o direito exclusivo de fazer seus envios sem dividi-lo com nenhuma outra rede.

Nem todos os servidores são dedicados, pois em alguns casos o computador atua como um servidor, mas executa várias funções ao mesmo tempo de diferentes empresas.

Há alguns anos, para contratar um serviço de provedor de e-mail para enviar e-mail marketing, as opções de empresas que realizavam esse serviço eram bastante restritas, principalmente se tratando de infraestrutura, e os custos eram bem altos. Para realizar o serviço, as empresas tinham a opção de aderir a um conjunto de IPs ou IP compartilhado.

Porém, hoje esse tipo de serviço já se tornou muito mais viável financeiramente, e com o avanço da tecnologia é possível encontrar diversas empresas que prestam esse serviço por meio do IP Dedicado. Esse IP se torna o único responsável pela qualidade das campanhas enviadas e pela reputação do IP, o que vai depender da frequência de e-mails disparados e do volume de dados enviados.

Para quais funções o servidor dedicado pode ser usado?

Com o servidor dedicado de e-mail é possível contrata um endereço de IP exclusivo para o envio de e-mails que não será compartilhada com outras empresas que usam a mesma comunicação através de e-mail marketing.

O IP dedicado possui uma série de vantagens, entre elas: todos os e-mails enviados são assinados com um subdomínio delegados ao remetente; o remetente tem o controle da sua reputação e, em caso de algum problema ele pode agir de forma imediata; a inscrição nas famosas “listas brancas” ou “whitelists” se torna mais fácil.

Em suma, os servidores dedicados são a opção mais segura para empresas de médio e grande porte, com um fluxo grande de e-mails.