Migração de Backup Local para Nuvem

Migração de Backup Local para Nuvem

O backup em nuvem oferece às empresas uma série de facilidades e vantagens. O “cloud backup” como também é conhecido, habilita as companhias para a mudança digital, auxiliando a impulsionar o seu progresso, proporcionando a execução de novas formas de negócio – visto que, ao proteger e assegurar a sequência dos seus empreendimentos, você tem disponibilidade para traçar estratégias de crescimento.

No entanto, para fazer a migração de backup local para nuvem, é necessário aplicá-lo de forma correta, para que ele desempenhe um papel efetivo. Neste post, nós trazemos uma explicação detalhada sobre como migrar o backup local para a nuvem de modo seguro, tornando-o um recurso assertivo para a sua empresa.

 

O que é o backup em nuvem?

Antes de explicarmos como fazer a migração de backup local para a nuvem, é necessário que se tenha o entendimento deste recurso.

Trata-se de uma estratégia de backup, onde é feita uma cópia dos dados (pessoais e da rede) para o servidor remoto, também fundamentado no armazenamento de nuvem, utilizando um link de internet.

O backup em nuvem possibilita que as companhias armazenem qualquer tipo de dado corporativo, que vão desde documentações, sistemas, fotos, vídeos, planilhas, CRMs e ERPs. O serviço é altamente seguro, mantendo as informações criptografadas durante todo o procedimento, desde a sua cópia ao armazenamento na nuvem.

 

Como fazer a migração de backup local para a nuvem

Para que a migração ocorra sem nenhum tipo de complicação, é importante se atentar às seguintes etapas:

  1. Organização: a organização nada mais é do que o passo mais essencial de toda a migração, já que é ela que assegurará a eficácia do resultado para o seu negócio. Sendo assim, é fundamental reunir os profissionais da diretoria executiva, de gestão de TI CIO e demais colaboradores que farão uso do recurso para avaliar as necessidades da empresa relacionadas ao serviço de backup em nuvem.
  2. Escolha do modelo: em meio às opções, é fundamental que a empresa escolha o melhor tipo de serviço que atenda às suas conveniências. Embora o conceito de armazenamento em nuvem seja único, existem três modelos, cada qual direcionado a uma necessidade. São elas: Nuvem Pública, Nuvem Privada e Nuvem Híbrida.
  3. Migração: feito o planejamento e a escolha do modelo de armazenamento em nuvem que se adéqua à empresa, é chegada a hora de migrar. Execute uma sistematização completa dos conteúdos e os distribua por grupos e funções de trabalho. Desta forma, você terá uma entrada bem mais organizada e segura.
  4. Direcionamento e administração: ao optar pela migração de backup local para nuvem, será necessário fazer a consultoria com um especialista. Somente este profissional executará um método de organização e proporcionará todo o suporte necessário, além de te auxiliar com as etapas anteriores.

A administração do backup em nuvem requer muita atenção, já que é fundamental para qualquer negócio que faz uso de um data center.

Agora que você conhece o procedimento de migração de backup local para nuvem, entre em contato conosco e veja as soluções que temos a oferecer para ajudar no seu negócio.